BackgroundDN
BackgroundDN
BackgroundDN
BackgroundDN
Desafio 2012
DNEscolas Apresenta-se
Kit de Apoio
Regulamento
O Meu DN
Links
 
Dia 20 de Março, a ETPM teve o privilégio de receber a futebolista Filipa Patão. A plateia encontrava-se ansiosa e expectante, afinal, o futebol feminino é, para a maioria, um mundo desconhecido. Pipa, para os amigos, foi recebida entusiasticamente com uma melodia feita de aplausos, por parte de todos os presentes. O grupo do 10º RB foi o pivot da tarde. Pintaram-se de jornalistas e, por cerca de uma hora, após as devidas apresentações, lançaram questões pertinentes.O interesse do público transformou-se ora em silêncio, ora em olhares atentos e ouvidos despertos e ávidos de conhecer um mundo novo. A simplicidade da Filipa cativou a audiência e transmitiu valores importantes aos presentes
As Raparigas Também Jogam à Bola!
A capitã do 1º de dezembro joga desde os 3 anos e é plenamente apoiada pela família, sendo que foi o avô que lhe ofereceu as primeiras chuteiras. Ser mulher num mundo dominado por homens não é fácil, reconhece. Porém, com determinação e trabalho árduo, poder-se-á mostrar ao mundo que, afinal, as raparigas jogam à bola. E bem! A jogadora, recentemente convocada para envergar a camisola das quinas, afiança que o futuro do futebol feminino será cada vez mais
próspero, apesar de que, segundo a mesma, o boom só acontecerá quando os grandes apostarem no futebol feminino. Reconhecendo a importância da formação, encontra-se a concluir o seu mestrado em Ensino da Educação Física e acalenta o sonho de dar provas do seu talento num clube estrangeiro.
Filipa Patão
A defesa central é titular indiscutível da equipa sénior, tornando-se esta época capitã de equipa, função que desempenha com orgulho e responsabilidade, reforçando a importância da união entre pares para o bom funcionamento do coletivo. Para a jovem de 23 anos o espírito de sacrifício é fundamental e, por isso, esforça-se para conseguir, um dia, concretizar o sonho de chegar à seleção nacional A.