BackgroundDN
BackgroundDN
BackgroundDN
BackgroundDN
Desafio 2012
DNEscolas Apresenta-se
Kit de Apoio
Regulamento
O Meu DN
Links
 
No dia 20 de Março de 2012 a Escola Secundária D. Dinis recebeu o comentador económico e desportivo Camilo Lourenço, no âmbito do concurso DNescolas. Várias turmas assistiram à entrevista que decorreu no auditório. A apresentação começou com uma breve introdução do convidado sobre o quadro económico atual. Camilo Lourenço afirmou que a economia deve seguir uma igualdade matemática entre receitas e despesas, o que não acontece hoje em dia. Abordou ainda a questão da relação causa-efeito entre crise financeira e crise económica e o modo como estas se afetam. Continuou, realçando que o desporto deixou de ser apenas desporto, passando a ser um negócio, um grande negócio de marca que não se
Desporto: um negócio de marca
resume apenas à compra de bilhetes para jogos nos estádios, mas sim às receitas de transmissões televisivas, bem como à venda de vários produtos com a marca do clube. «Os clubes, que são cronicamente deficitários, tinham uma companheira com quem dormiam todos os dias: a banca», sublinhou. Ora, com a crise financeira, aquela união já não pode continuar porque os clubes simplesmente não respeitam o equilíbrio a que se deve submeter a economia. Daí as dívidas de
milhões que muitos mantêm. Este encontro permitiu-nos ter uma visão diferente sobre o futebol: o desporto não se resume àquilo que vemos na televisão, pois por detrás há uma economia baseada em marcas, que se revela muito mais poderosa do que aquilo que possamos imaginar.
Miragem enganadora
Camilo Lourenço acrescentou uma importante mensagem que nos fez refletir acerca do nosso futuro: quando iniciarmos a nossa vida profissional, devemos sempre escolher o desafio mais difícil, pois, se formos bem sucedidos, teremos uma melhor recompensa. Este conselho complementou outro - o nosso sucesso requer exigência de nós próprios e a nossa diferenciação positiva. Afinal, o sucesso fácil é uma miragem.